Good vibes pra casinha!

Aqui está a Cher, charmozérima na minha sala. Ela nem se incomoda de estar forever alone no rack!

Mamy e a Mototo vieram aqui cheias de amor e disposição pra completar a missão: com direito a radiestesia, orações, incensos, símbolos, sal grosso e amônia, ou seja, barba, cabelo e bigode em matéria de limpeza energética.

 

Suculenta com recheios de sanduba suculentos

Nesse mesmo dia, ganhei duas plantinhas: da Mamy, uma árvore da felicidade, que eu chamo de Feliccia, e da Mototo, um vidrinho com bambus, que acabaram ficando com o nome de Cher, por que eu disse que ela seria a estrela da sala. A minha irmã sugeriu, e o nome acabou pegando.

Não resisti e comprei uma suculenta por quem me apaixonei e terá esse nome suculento mesmo, que é um adjetivo nham-nham fora do meu vocabulário usual. A suculenta é a primeira planta que comprei desde que me casei, credita?

Eu, me aproveitando da Fellicia pra mostrar meus dotes culinários nesse sanduba-vintage-tricolor-vegetariano? Nunca!

 

O legal das 3 é que elas gostam de meia luz, por que a minha casa é meia sombra. E o luxo da Cher e da Suculenta, é que elas são mocinhas bem independentes que só requerem cuidados de vez em quando.

 

 

 

 

PS: Contei que o manjericão morreu poucos dias depois de ter chegado aqui? Bom, se não tivesse morrido antes, murcharia de ciúmes por nunca ter tido nome.

Temperos verdes

 

É um problema quando compramos salsa, manjericão, coentro e outras ervinhas que não são tão gostosas quando desidratadas se não usamos tudo de uma vez, por que elas estragam rápido na geladeira.

Duas soluções:

A primeira foi a mami que me ensinou, e é perfeita para os temperos que usamos mais: lavar, picar tudo, pôr num potinho pequeno e congelar. O sabor fica preservado e é fácil tirar só a quantidade necessária do potinho congelado. Maravilha! Eu uso coentro em quase tudo, e não tenho tempo pra ir à feira ou ao mercado toda vez que vou cozinhar.

A segunda é pras ervinhas que a gente só usa de vez em quando, como o manjericão e o alecrim: plantar num vasinho! Eu tenho um com manjericão. Além de bonitinho, dando o ar da graça na minha cozinha, eu podo um pouquinho quando quero pôr nos pratos à base de molho de tomate.